Lula é denunciado por lavagem de dinheiro em negócio na Guiné Equatorial - Views

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

26 de nov de 2018

Lula é denunciado por lavagem de dinheiro em negócio na Guiné Equatorial

A força-tarefa da Operação Lava Jato em São Paulo denunciou o ex-presidente Lula por lavagem de dinheiro. A acusação formal levada à Justiça Federal aponta que o ex-presidente recebeu R$ 1 milhão disfarçado de doação para intermediar discussões entre o governo da Guiné Equatorial e o grupo brasileiro ARG.
De acordo com o Ministério Publico Federal (MPF), essa quantia não se trata de uma doação, mas sim um pagamento ao ex-presidente por ter influenciado o presidente de outro pais durante o seu mandato. Ou seja, já que, a doação configura como um pagamento, o registro como doação seria falso, tratando-se de uma dissimulação de dinheiro ilícito, o que se enquadra como lavagem de dinheiro.
Além de Lula, o Ministério Público Federal denunciou o controlador do grupo ARG, Rodolfo Giannetti Geo, pelos crimes de tráfico de influência em transação comercial internacional e lavagem de dinheiro.
Os acontecimentos ocorreram na época que o petista não era mais presidente, entre setembro de 2011 e junho de 2012. Como Lula já tem mais de 70 anos, o crime de tráfico de influência prescreveu para ele, mas não para o empresário.

O caso envolvendo o Instituto Lula foi enviado para Justiça Federal de São Paulo por ordem do então titular da Operação Lava Jato, Sergio Moro. O inquérito tramita na 2ª Vara Federal de São Paulo, especializada em crimes financeiros e lavagem de dinheiro, que analisará a denúncia do Ministério Público Federal.

Veja a denuncia completa clicando AQUI e a cota da denuncia clicando AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad