Breaking

Post Top Ad

10 de set de 2018

Jovem dá início a projeto que pretende limpar até 90% dos oceanos

O holandês Boyan Slat, de 24 anos, conseguiu financiamento para um ambicioso projeto que promete praticamente acabar com os plásticos nos oceanos. O sistema de coleta, que se assemelha a uma serpente gigante, foi lançado na Baía de São Francisco, nos EUA, e vai em direção à 'ilha de lixo', no Pacífico, entre a Califórnia e o Havaí.

Após 273 testes em escala, seis protótipos no mar, um mapeamento abrangente da grande ilha de lixo do pacifico (Great Pacific Garbage Patch) com 30 navios e um avião, e várias interações tecnológicas, finalmente estão prontos para colocar à prova o primeiro sistema de limpeza oceânica do mundo.

Segundo modelagens feitas indicam que uma implementação em larga escala do sistema poderia limpar 50% da Great Pacific Garbage Patch em 5 anos. 
Depois que as frotas de sistemas são implantadas em todos os giros oceânicos, combinados com a redução na fonte, a Ocean Cleanup projeta a possibilidade de remover 90% do plástico oceânico até 2040.

Paralelamente ao desenvolvimento de tecnologia para extrair plástico do oceano, também foi investigado como pode-se reutilizar o material assim que ele estiver em terra. O trabalho inicial na reciclagem de plástico oceânico mostra que o material pode ser transformado em produtos de alta qualidade. Imagine que seu próximo telefone, cadeira, pára-choque de carro ou óculos de sol poderia ser feito de plástico retirado da grande ilha de lixo do pacifico. Ao vender o material para reutilização, os responsáveis pelo projeto pretendem torna-lo autossustentável.

Como funciona o sistema de limpeza?

O sistema consiste em um flutuador de 600 metros de comprimento que fica na superfície da água e uma saia afilada de 3 metros de profundidade anexada abaixo. O flutuador fornece flutuabilidade ao sistema e impede que o plástico flua sobre ele, enquanto a saia impede que detritos escapem por baixo. Tanto o plástico quanto o sistema estão sendo carregados pela corrente.
No entanto, o vento e as ondas impulsionam apenas o sistema, já que o flutuador fica logo acima da superfície da água, enquanto o plástico fica basicamente abaixo dele. O sistema, portanto, se move mais rápido que o plástico, permitindo que o plástico seja capturado.

Um navio que age como um caminhão de lixo dos mares irá remover o plástico coletado a cada poucos meses. O plástico será processado em terra e classificado para reciclagem.

Trafego marítimo

Nenhuma rota de navegação muito traficada atravessa a grande ilha de lixo do pacifico, portanto as chances de um navio passar por um sistema de limpeza oceânica são mínimas. Em média, apenas 5 navios podem ser encontrados em uma área com o dobro do tamanho do Texas.

Mas se algum barco passar pelo sistema, há medidas de segurança para garantir a integridade dos navios e do sistema de limpeza. Cada sistema será equipado com lanternas, refletores de radar, sinais de navegação, GPS e sinalizadores anticolisão.
O AIS transmitirá continuamente a localização dos sistemas para as embarcações que passam e o GPS rastreará a localização dos sistemas. Além disso a Guarda Costeira dos EUA mapeará a área como uma zona de operações especiais e emitirá uma Notificação aos Marinheiros sobre a presença dos sistemas na água.

Vida marinha

Os sistemas movem-se através do oceano a velocidades extremamente baixas - suficientemente lento para que as criaturas possam nadar para longe. A tela é impenetrável, a corrente fluirá por baixo da tela, guiando-a com organismos que não podem se mover ativamente, enquanto o plástico (que flutua) permanece dentro do sistema. Já que  a tela não é uma rede, a vida marinha não pode ficar emaranhada.

Tempestades

Ao projetar a estrutura, foi considerado casos de carga que só devem ocorrer uma vez a cada cem anos. A chave para a sobrevivência é a flexibilidade o que o tona capaz de seguir as ondas, e como o sistema está flutuando livremente, ele pode flutuar quando submetido a altas velocidades de corrente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Páginas