Polícia apreende 4 toneladas de maconha por causa de erro de português - Views

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

22 de ago de 2018

Polícia apreende 4 toneladas de maconha por causa de erro de português

Depois desta ultima terça-feira, dia 21 de agosto, saber escrever conforme a norma culta, deve ter virado um pré-requisito para participar do trafico de drogas no estado de São Paulo. Um erro de português na nota fiscal foi o bastante para fazer a Receita Federal, que a monitorava, começa-se a desconfiar.

Uma carga de frango que viria para Vila Velha fez com que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Receita Federal duvidassem do que realmente estava sendo transportado em um contêiner frigorífico na Rodovia Régis Bittencourt, na cidade de Cajati, município do Litoral Sul Paulista.
Ao abordar o motorista do caminhão e solicitar a nota, os policiais averiguaram que a carga seria de "dorço" de frango, quando na verdade a parte da ave se escreve com "s", e não com "ç". O erro gramatical foi o suficiente para atestar falsificação da documentação, fazendo-se necessário a averiguação da carga.

Ao averiguar o container foi descoberto, no compartimento, quase 4 toneladas de maconha escondida entre a carga. O motorista admitiu que carregou os congelados em Cascavel (PR), e que um amigo havia pedido o transporte da droga em seguida. O condutor, de 31 anos, preso em flagrante, receberia pelo transporte um total de R$ 21 mil, sendo R$ 6 mil referente ao frango e o resto da droga.

O carregamento de maconha foi apreendido, assim como os congelados de frango. O caso será investigado pela Polícia Civil da região.

             g1.globo.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad