Ministério Público pede para todos os brasileiros reiniciarem os seus roteadores - Views

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

10 de jun de 2018

Ministério Público pede para todos os brasileiros reiniciarem os seus roteadores

A Comissão de Proteção dos Dados Pessoais do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) divulgou na quinta-passada (07 de junho) um alerta para que todos os brasileiros reiniciem os roteadores de internet domésticos. O alerta se deve ao risco de infecção pelo malware VPNFilter.

"Para ajudar a combater o vírus, todos os proprietários brasileiros devem reiniciar os aparelhos para interromper temporariamente o vírus e ajudar na identificação potencial de roteadores infectados", nota o MPDFT.

De acordo com os especialistas de segurança da Talos Intelligence Group, o programa malicioso tem o potencial de roubar senhas e outras informações além de desconectar uma rede da internet.
O VPNFilter utiliza uma versão do malware BlackEnergy, causador de um blecaute na Ucrância em 2016, e pode infectar infraestrutura de rede com roteadores das marcas Linksys, MikroTik, Netgear e TP-Link, em ambiente doméstico, pequenas empresas (SOHO) e em redes equipadas com dispositivos QNAP.

No dia 25 de maio, sexta-feira, o FBI também emitiu um alerta contra uma nova ameaça vinda da Russia, o VPNFilter.

No seu alerta o FBI informou que o Malware e capaz de tornar inoperantes os pequenos roteadores de escritórios e grupos domésticos. Além disso ele pode juntar informações que possam pelo aparelho. A análise da atividade de rede do VPNFilter é complicada pelo uso de criptografia e redes atribuídas de forma incorreta.

A instrução dada aqui no Brasil foi a desativação das configurações de gerenciamento remoto e o uso de senhas fortesTambém é importante atualizar o software (firmware) do roteador.

A decisão de soltar o alerta vem após oito meses de investigação ao lado da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

O malware VPNFilter já infectou mais de 500 mil roteadores em 54 países diferentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad